Se eu fosse estudantes de moda, adoraria estar num cruzeiro como esse. Acho que é os workshops, entrar no universo da moda … porque você entra de cabeça aqui, não tem como fugir.
Você está aqui e está rolando o Bertholini de um lado, a Nike de outro, desfile da Blue Man, então você entra você respira moda!

Sharon Azulay

O mais importante e legal de acontecer o evento no navio é que você enxerga as coisas de uma outra maneira, você fica muito mais próximo da arte, da música, porque você está no dia a dia com as pessoas, e acaba interagindo muito com elas, interagindo com os artistas, com os DJ’s, então a gente acaba absorvendo diferente aqui do que fora do navio, e isso é muito legal. A vivencia acaba também promovendo parceiras com pessoas que você nunca ia imaginar.
Dentro do navio o desfile acontece de uma maneira muito mais interessante por conta do cenário, e é muito legal porque sempre existem outras possibilidades, iluminação, cenário, bar, teatro. A gente já fez desfiles em vários lugares do navio que nunca teria a chance de fazer fora.
A organização conseguiu reunir marcas bastante relevantes, marcas fortes, que já tem uma relação de mercado, e acho que o evento só tende acrescer e a realmente entrar numa plataforma de representação igual a do São Paulo Fashion Week, como um evento de Resort, só de modas praia, seria incrível, o evento tem muito potencial.

Carô Gold/ Pitty Taliani

Você sai da terra e vem para o mar, e aqui dentro a gente instala uma mini cidade com as próprias leis, então é a correria do desfiles, a emoção, o trabalho – tem que ser extremamente profissional, rigoroso, mas ao mesmo tempo é um universo criado pela Dreamakers.
Do ponto de vista profissional a gente tem um resultado de mercado enorme, trazendo novos clientes, colocando as modelos para trabalhar com clientes que elas não conheciam, criando projetos e idéias, envolvendoesses clientes.
Nesses 4 dias envolvendo muita correria, que você vive aqui balançando dentro do navio acontece nessa brincadeira de coletivo, negócios fora, barra, o negócio que tem que acontecer aqui dentro, que é a velocidade do evento, que ele tem que acontecer.
O Fashion Cruise na verdade é o que a gente gostaria que toda população tivesse acesso, que tem o universo da moda dentro dele, tem a importância que a moda tem hoje no nosso pais, mas ao mesmo tempo ele tem uma despretensão muito gostosa de existir.

Jocler Turmina